Saiba quais as perguntas a fazer a um candidato a emprego

Quando o processo de seleção dos candidatos para a entrevista está finalizado, chegou o momento de passar à fase da entrevista de emprego propriamente dita. Seguindo os critérios que previamente definiu como sendo os ideais para o candidato a emprego possuir, deverá desenvolver perguntas que aproveitem ao máximo o seu tempo com o candidato e lhe forneçam o maior número de informação possível para o auxiliar na decisão final.

Temas que deve abordar na entrevista de emprego

Existem muitas abordagens diferentes para elaborar perguntas para a entrevista de emprego. Entre os temas mais utilizados encontramos:

  • Percurso do candidato: Sobre este tema podem-se formular diversas questões tanto a nível pessoal como profissional. Torna-se essencial que saiba detalhes do percurso do candidato a emprego a estes níveis, para detectar incoerências, conhecer o que o motiva ou desmotiva, o seu desejo de progressão, aquilo de que não quer falar, as decisões e opções que foi tomando e as suas consequências. Este é sem dúvida o tema para que a maioria dos candidatos está mais bem preparado, acabando por se exaltarem os seus melhores feitos e se omitirem informações pertinentes. Cabe ao recrutador quebrar esta tendência e focar os pontos mais importantes e valiosos para a função a desempenhar.
  • Cargos desempenhados: No campo profissional poderá formular questões acerca das funções desempenhadas em outras empresas, que lhe permitem clarificar algumas informações presentes no currículo do candidato. Este tipo de perguntas também indicam as suas competências profissionais e informam sobre a sua personalidade. Questione o candidato sobre as empresas para as quais já trabalhou ou trabalha e as funções que ocupa ou já ocupou anteriormente. Estas informações vão permitir-lhe avaliar as responsabilidades assumidas e o nível hierárquico em que se posicionou, assim como descobrir o tipo de empresa com a qual o candidato mais se identifica e perceber como se irá integrar na empresa a que se candidata.
  • Questões comportamentais: O desempenho passado é um excelente indicador da forma como o candidato irá desempenhar no futuro. Em vez de fazer perguntas gerais, o recrutador deverá pedir exemplos concretos que demonstrem habilidades e iniciativa. Poderá colocar questões que revelem como o candidato se comporta perante outros colegas, em equipa ou até mesmo com a chefia. Como organizou determinada acção, viagem, evento, como coordenou, quais as dificuldades e como as ultrapassou. A maioria das perguntas comportamentais começam com frases como “diga-me sobre uma altura em que…” ou um advérbio, como o quê, onde, porquê e quando.
  • Motivações, pontos fortes e fracos: Questões como “Porque razão se candidatou a esta empresa” são sem dúvida inevitáveis e têm por objectivo descobrir quais são as motivações por detrás da candidatura do candidato e perceber se este se enquadra nos requisitos mínimos exigidos para a função. Outras questões frequentes em entrevistas abordam os pontos fortes e fracos do candidato a emprego. Como acontece com questões do percurso, os candidatos podem previamente preparar as respostas, divulgando apenas o que consideram de mais positivo para conseguirem o emprego. Mais uma vez cabe ao recrutador evitar que esta tendência se verifique. Para o evitar, aborde o tema ao longo da entrevista, aproveite os relatos do candidato para saber quais os aspectos mais negativos e positivos que este evidencia. Faça perguntas que relacionem os seus pontos fracos e fortes com o cargo a que se candidata e a forma como o vão ajudar a superar tarefas exigidas pela função.
  • Hobbies: Com este tema poderá ficar a conhecer aspectos da personalidade do candidato que de outra forma não seriam revelados. O tipo de hobbies pode revelar um candidato com iniciativa, muita disponibilidade, capacidade de trabalho e até mesmo o nível de responsabilidades que é capaz de assumir.
  • Informações sobre a empresa e cargo: Deverá informar o candidato  dos direitos, deveres, remuneração, contrapartidas e outros detalhes fundamentais para exercer o cargo. A reacção e perguntas subsequentes do candidato a emprego a estas informações poderão ajuda-lo a aferir se este se encontra interessado na vaga disponível ainda durante a própria entrevista de emprego.

2 comentários

  1. Carla
    • jose dias

Deixe a sua resposta