Porque os anúncios de rádio ainda hoje funcionam

A publicidade na rádio sofreu um declínio significativo nos últimos anos, uma vez que cada vez menos pessoas ligam o rádio para ouvir as notícias ou entretenimento. Apesar disso, o rádio continua a ser uma grande força cultural, sendo a publicidade na rádio uma ferramenta eficaz para atingir os consumidores e induzi-los a comprar o seu produto.

A publicidade na rádio é uma excelente forma de atingir potenciais clientes para os seus produtos e serviços. Alguns tipos de negócios saem até beneficiados com a publicidade na rádio face a outros meios de comunicação, quer seja pela faixa etária dos clientes alvo, quer seja pelas características do produto ou serviços. O segredo está em saber que tipo de negócios têm mais sucesso com este tipo de campanhas em rádio.

Mas porque os anúncios de rádio ainda hoje funcionam? Descubra porque razão a sua empresa deve usar a rádio para publicitar os seus produtos.

Custo

Uma campanha publicitária na rádio é muito mais barata que noutro tipo de meios de comunicação como a televisão, por exemplo. Os custos de produção são mais reduzidos, uma vez que não é necessário filmar um comercial ou fazer um anúncio de internet apelativo e que se distinga dos demais. Para uma campanha na rádio, paga-se apenas pelo tempo de antena em determinada estação, o custo de um guião cativante, e um ator para lê-lo. A publicidade na rádio é por isso uma excelente opção para empresas mais pequenas que não possuem um grande orçamento para publicitar os seus produtos.

Publicidade direcionada

Os ouvintes de rádio tendem a ser mais leais que noutros meios de comunicação. Leais ao seu clube, a determinado desporto, cor política ou estilo musical. A rádio permite-lhe por isso falar para um cliente em particular. Masculino ou feminino. Jovens ou velhos. Permite-lhe chegar de forma mais eficiente ao tipo de pessoa que está mais propensa a comprar o que você vende. Desta forma é mais fácil de personalizar a publicidade para cada tipo de público e/ou potenciais clientes, oferecendo-lhes o que para eles é efetivamente relevante.

A rádio chega aonde a TV não vai

O rádio é um dos poucos meios de comunicação que atinge o consumidor em qualquer lugar.  Começa por ser a companhia no café da manhã, nos transportes públicos e no carro, a caminho do trabalho, no restaurante, na praia e até quando fazemos exercício. Ou seja, o rádio é o único meio de comunicação que atinge todos os consumidores, quer seja de forma voluntária ou involuntária. A rádio também consegue atingir determinadas comunidades específicas. Uma empresa pode optar por fazer campanha apenas numa rádio local, em que sabe que o o seu produto é relevante para os ouvintes.

Mais intimista

A rádio faz uso da emoção muito melhor do que outras formas de publicidade.  E é através da emoção que tomamos grande parte das nossas decisões de compra.  A rádio tem o triplo da audiência da televisão durante a manhã e mais do dobro à tarde. É imbatível justamente no horário em que as empresas e o comércio estão abertos, fazendo dele mídia obrigatória para quem quer efetuar uma venda. A TV só tem boa audiência à noite, quando o comércio está fechado e o cliente, em casa.


Deixe a sua resposta