10 perguntas a fazer para escolher um fantástico nome para a sua empresa

Neste artigo, vamos dar-lhe 10 dicas para escolher um fantástico nome para a sua nova empresa.

  • Descobrir que tipo de nome pretende para a sua empresa,
  • Analisar um nome da empresa de vários ângulos,
  • Determinar se o nome que deseja dar à empresa está disponível.

O nome da sua empresa é a chave para a sua imagem de marca junto do cliente. É muito importante que o escolha bem pois o nome da empresa deverá revelar uma imagem exclusiva, memorável, adequada, agradável e capaz de colocar a sua empresa numa posição dianteira.

Eis a lista de 10 perguntas que deve fazer antes de se comprometer com o novo nome ou alterar o nome da sua empresa.

 

Lista das 10 perguntas chave para criar o nome da sua empresa

1. Que tipo de nome quer dar à sua empresa?

A maior parte das empresas enquadra-se nas seguintes categorias:

O nome da empresa contém o nome do proprietário
Se o Manuel Ferreira estiver a criar uma empresa de contabilidade, pode designá-la como “Gabinete de Contabilidade Manuel Ferreira”. O nome é fácil de escolher, fácil de registar e transmite, certamente, a ideia de que, ao atribuir-lhe o seu nome, o sr. Manuel Ferreira tem orgulho na sua empresa. No entanto, a desvantagem é que, mais tarde, o sr. Manuel Ferreira terá dificuldade em vender a empresa.

Utilizar um nome geográfico
Se um novo ginásio adoptar a denominação social de “Ginásio da Póvoa de Santa Iria”, o nome atrairá certamente clientes do mercado local, mas limitará o crescimento da empresa em termos de expansão para além da área da Póvoa de Santa Iria.

Usar um nome alfabético
Com um nome do género “ABC – Serviços Informáticos Lda.” terá certamente garantido um lugar cimeiro nas Páginas Amarelas – se o nome estiver disponível. No entanto, tenha em consideração que os nomes alfabéticos são genéricos e não avançam um carácter único ou uma imagem promissora.

Utilizar um nome descritivo
Um nome descritivo, indica o que você faz e o modo como o faz. Uma empresa de consultoria especializada em recuperação de empresas pode designar-se como “Estratégias e Saídas”, transmitindo, através do nome, os serviços que oferece e a promessa que representa para os clientes.

Um nome emprestado
Um nome emprestado tal como sugere “emprestado” não tem qualquer relação com a empresa ou produto. Os nomes emprestados exigem fortes campanhas de marketing para criar uma ligação entre o nome e uma imagem e quando efectuadas correctamente podem fazer maravilhas. Basta pensar na Apple, Nike, ou Sapo.

Um nome inventado
Pode criar um nome a partir de um acrónimo, de palavras ou sílabas ligadas de modo a formar uma nova palavra ou então ligando letras que resultem num som agradável sem qualquer significado, por exemplo Verizon, Kodak ou Toyota Ciera.

É mais provável que um nome inventado esteja disponível e possa ser registado. Como a palavra ainda não existe, o nome de domínio na Internet certamente ainda não foi adquirido.

2. O que pretende que o nome transmita?

Escolha um nome que represente ou suporte a imagem e posição pretendidas para a sua empresa.

São vários os atributos que pode transmitir com o nome da sua empresa, tais como: assistência, rapidez, qualidade, competências, perícia, comodidade, eficiência, criatividade, profissionalismo e conhecimentos exclusivos.

Evite palavras como qualidade, criativo ou líder, mesmo que definam, na perfeição, os seus serviços. Justa ou não, existe uma relação inversa entre as empresas que dizem ser as melhores e a imagem que os clientes têm das mesmas.

3. O nome que escolheu está disponível?

A Lei não permitirá que use um nome que seja muito idêntico a um nome de empresa ou marca já existente; por conseguinte, antes de se encantar com um nome, confirme se o mesmo está disponível. Se estiver, trate de o proteger para sua utilização.

Investigue o nome
Pode aceder ao site do Registo Nacional de Pessoas Colectivas www.rnpc.mj.pt e pesquisar a base de nomes de empresas.
firmas. De notar que esta pesquisa é informativa e constitui apenas uma ajuda na despistagem dos nomes já existentes.

Verifique se o nome está disponivel na Internet
Pode ver se OSeuNome.pt está disponível no site www.dns.pt.
Para ver se OSeuNome.com, .net, .eu ou .org está disponível pode abrir o site www.dynadot.com.
Para verificar se OSeuNome.com.br está disponível basta abrir o site www.registro.br.

Proteja o nome, caso esteja disponível
Registe o nome no Registo Comercial. Se planeia fazer negócios com o estrangeiro, considere a criação de uma marca comercial de modo a ajudá-lo a evitar que outros promovam um nome, logótipo ou um aspecto exclusivo idêntico ao da sua empresa.

Contacte um advogado ou empresa especializada no registo de denominações sociais, marcas e patentes.

4. É fácil de escrever?

Os melhores nomes têm quatro a oito letras, apresentam uma forma escrita agradável e escrevem-se tal como se lêem.

Evite espaços, hífenes ou símbolos invulgares, procurando, pelo contrário, uma apresentação directa que os clientes soletrarão correctamente, apenas pelo som. Tenha em consideração que os nomes que começam com O/A ou Um/Uma são difíceis de localizar nas Páginas Amarelas.

Tente evitar grafias alternativas (por exemplo, Kaza em vez de Casa), excepto se pretender investir alguns euros em publicidade para ensinar o mercado a escrever o seu nome.

5. É fácil de pronunciar?

Mostre o seu nome a algumas pessoas e peça-lhes para o lerem.

  • Pronunciam-no correctamente?
  • É foneticamente agradável?
  • Pensa que pode resultar bem numa conversa de negócios?

Como teste, imagine uma recepcionista a atender o telefone usando o nome (Bom dia, Consultoria BomNome. Em que posso ajudá-lo?).

Certifique-se de que o nome soa bem quando pronunciado em voz alta.

6. É um nome original?

Procure o nome na lista telefónica local e nacional para ver quantas empresas possuem nomes que se assemelham ao nome que está a escolher para a sua empresa.

Procure um nome original que se destaque

Evite nomes ligados a características geográficas locais, pois têm tendência para se perder num alinhamento de empresas com nome idêntico. Por exemplo, em zonas de serras encontrará nomes como Vista da Serra, Conforto da Serra, Ciclo da Serra, Frescura da Serra e diversos outros nomes idênticos e fáceis de confundir.

7. É universal?

A Internet proporciona a cada empresa acesso a uma diversidade de mercado; por conseguinte, pense em termos globais ao definir o nome da sua empresa. Procure um nome que tenha uma conotação positiva em diversos idiomas, em especial naqueles que podem vir a representar futuros mercados para a sua empresa.

8. É fácil de memorizar?

Procure um nome que exprima um aspecto exclusivo da sua empresa.
As empresas que assumem o nome do seu fundador são fáceis de recordar porque se pensa imediatamente no rosto do proprietário e logo em seguida no nome. Do mesmo modo, as actividades com nomes de características físicas (por exemplo, Praia da Rocha) são memorizáveis porque o seu atributo exclusivo cria impacto.

Os logotipos fortes que reforçam o nome também ajudam a que o cliente se lembre do nome da empresa.

9. Pode Viver e crescer com este nome?

Vai usar este nome durante muito tempo, por isso a pergunta fundamental entre todas deve ser: Gosta do nome? Pondere esta questão. Os nomes são como anúncios, no sentido em que não melhoram ao serem sujeitos a várias opiniões. É a sua empresa. Certifique-se de que gosta do nome, que gosta de o pronunciar e que terá muito orgulho em repeti-lo incessantemente nos anos que se seguirão.

E daqui chegamos à segunda pergunta mais importante: o nome adapta-se ao seu futuro?
Preste atenção aos nomes que o ligam a uma área geográfica ou oferta de produto e, em especial, tenha atenção com os nomes que incluem palavras em voga que podem ficar antiquadas com o tempo.

10. Está preparado para se comprometer com o nome?

Depois de se decidir por um nome e de confirmar que as pessoas conseguem soletrá-lo, pronunciá-lo, recordá-lo e relacioná-lo correctamente (mesmo noutras culturas), estará pronto a avançar para as seguintes etapas:

  1. Registar o nome, requisitar uma marca comercial, se assim entender e, se possível, obter o nome do domínio.
  2. Criar um logótipo profissional para servir de rosto ao nome.
  3. Fazer uma lista de todos os locais onde o seu nome e logótipo surgirão.
  4. Procurar novas formas de divulgar o seu nome – em uniformes, vestuário, sinalética – e outros métodos que aumentem o nível de conhecimento do nome.

Se estiver a alterar o nome da empresa, preveja um orçamento para substituir todos os artigos que possuem a sua antiga identificação. Planeie, igualmente, desenvolver novas estratégias de comunicação para informar os seus clientes, potenciais clientes, colegas, fornecedores e amigos sobre os motivos da mudança.

Não apresente duas caras, tentando gastar os seus materiais antigos ao mesmo tempo que introduz os novos. Comece de novo e corte definitivamente com o passado, nunca mais utilize o nome da empresa antigo para não gerar confusão.


1 comentário

Deixe a sua resposta