Balançar a Árvore com Coaching Derruba os Frutos Pobres

Uma organização não existe apenas para revender, comprar, produzir e faturar.
Assim como, um ser humano não nasceu para levantar pela manhã, tomar café, ir para a empresa, fazer a produção, voltar para casa e descansar para repetir tudo no próximo dia.

Por isso, as empresas de sucesso preocupam-se em investir na implantação de programas de desenvolvimento contínuo, reduzir funcionários desmotivados e acomodados, desenvolver e ativar a criatividade, descobrir novos talentos e aumentar os lucros.

As organizações de excelência investem mais de cem horas com treinamento de cada funcionário, a cada ano, e confirmam o custo X benefício.

Estes treinamentos podem se comparar a remédios, pois é preciso tomá-los em doses homeopáticas, aplicadas após o diagnóstico organizacional.

As empresas que investem muito em infra-estrutura, tecnologia, veículos e pouco no ser humano, podem ser comparadas ao indivíduo que mais se preocupa em manter uma boa aparência externa, sem cuidar do corpo e do espírito.

As pequenas e micro empresas também precisam oxigenar seus funcionários, planejando e executando um programa anual de treinamento e desenvolvimento.

Mas é importante lembrar que treinamentos curtos combatem a febre da organização, porém, os programas de educação continuada é que tratam as causas de resultados indesejados.

E para tratar destes males, na prateleira do mercado estão à disposição uma gama de soluções para os males da sua organização:

– Gestão da Qualidade;

– Gestão de Finanças e Custos;

– Gestão de Pessoas;

– Gestão de Vendas e Marketing;

– Gestão Estratégica;

– Gestão da Responsabilidade Social;

– E outros.

Aproveite este ano que começa para balançar a árvore da sua organização, derrubando os frutos dos comportamentos e resultados indesejados.

balancar-a-arvore-com-coaching-derruba-os-frutos-pobres1jpg

Coaching

Sabe aquele projeto que você quer implantar? Ou aquele novo desafio que irá começar?Ou ainda aquela mudança comportamental que você quer fazer?Pode ser uma boa saída participar de um processo de coaching.

Não é à toa que muitos artistas, atletas e executivos de sucesso têm um coach e que esta ferramenta tem se difundido rapidamente. É muito saudável contar com alguém independente que tem uma visão além daquilo que a própria pessoa esta vendo.

O coaching é uma poderosa ferramenta para desenvolver pessoas e organizações que também amplia o autoconhecimento.

A ideia é participar de um processo estimulante com apoio profissional, voltado ao futuro, e capaz de auxiliar o cliente a definir e acompanhar claramente os objetivos pretendidos.

O participante deste processo poderá encontrar mais facilmente suas próprias respostas. Por vezes, os obstáculos internos são maiores que os externos.

Se você não tem clareza sobre as metas que deseja atingir, o coach poderá auxiliá-lo nessa definição.

Se você já quer ir “direto ao ponto” também será de grande valia este acompanhamento individual, que o levará à montagem de eficazes planos de ação.

Uso de minha experiência em lidar com treinamento de pessoas para ampliar a compreensão do cliente sobre onde poderão estar aspectos inconscientes que podem atrapalhar no processo. Pois somente somos capazes de lidar melhor com algo do que já temos consciência.

Não importa se a mudança proposta é de âmbito pessoal ou profissional.  Se você procura uma vida mais feliz e satisfatória, procure um profissional de coaching com o qual você se identifique e vá em frente.


Deixe a sua resposta

Tags: